Equipe e FAQ

O Jornal do Camões faz parte da proposta de multiletramentos em Língua Portuguesa idealizada pelo professor Antonio Archangelo. O nome é uma homenagem ao poeta Luis Vaz de Camões e faz parte da Rede Camões de jornais escolares e do Método Camões.

Luís Vaz de Camões nasceu em Lisboa ou Coimbra, entre 1524 e 1525, filho de Simão Vaz de Camões e Ana de Sá e Macedo. Na juventude, alista-se no Exército da Coroa portuguesa, embarcando, em 1547, para a África como soldado, onde perde o olho direito em Marrocos no combate aos ceutas. Cinco anos depois, retorna a Portugal, vivendo na boemia, até envolver-se em conflito com um funcionário real, que saiu ferido, o que o levou ao encarceramento. Em 1553, é enviado para a Índia, onde participa de algumas expedições militares, chegando, três anos depois, à China. Lá, trava contato com a jovem Dinamene, por quem se apaixona. Tempos depois, Dinamene é vitimada por um naufrágio e termina se afogando. Reza a lenda que, apesar de estar a bordo, Camões não conseguiu salvar a amada, mantendo apenas o manuscrito de seu poema Os Lusíadas em uma das mãos, enquanto ocupava-se em nadar com a outra. Ademais, a tragédia leva à inspiração de vários poemas, sendo o mais famoso o intitulado como A Saudade de Ser Amado.

Apesar da consagração em vida, o autor lidava mal com a administração dos lucros das suas obras publicadas. Assim, em 10 de junho de 1580, termina falecendo na capital em estado de absoluta miséria. Ainda assim, é considerado, junto à Fernando Pessoa, como o maior nome da poesia portuguesa, tendo atingido o status de celebridade nacional sempiterna. Seus restos mortais encontram-se, atualmente, em um mausoléu no Mosteiro dos Jerônimos, em Lisboa.

Texto originalmente publicado em <https://www.infoescola.com/escritores/luis-vaz-de-camoes/>

Como participar do Jornal do Camões?

A primeira etapa é a realização da pactuação sobre quem participará e qual será a função do aluno dentro do jornal. No método Camões encorajamos a divisão mensal (ou seja com rotação dos alunos em todas as funções): Editor-Chefe, Produtor de conteúdo, comentarista, compartilhador e observador. Após a reunião, um dos alunos escreverá a primeira ata que será publicada no site (cada reunião, um aluno fará a ata) e criará o grupo de WhatsApp (ou qualquer aplicativo de comunicação), nas seguintes funções:

Divisão por funções

Com as funções definidas, cada aluno terá – durante a semana – metas a serem cumpridas de acordo com sua função. Por exemplo, um compartilhador pode ter como meta compartilhar em suas redes todo o conteúdo publicado e disponibilizado no grupo de WhatsApp do futuro jornal.

Como item obrigatório, cada discente, terá que realizar sua função pré-estabelecida, participar das reuniões semanais (com justificativa de ausência constando em ata), presença nos grupos de estudos (opcional) e postar pelo menos uma reflexão semanal sobre sua ação/atividade no jornal ou sobre acontecimentos de sua semana.

Professores podem adentrar o projeto como mentores, curadores ou fonte de infromação. O curador ficará disponível para ser consultado pelo grupo de alunos sobre assuntos definidos nas reuniões de pauta. O mentor é o professor facilitador, acompanha o projeto e auxília no andamento das demandas.

Composição da nota

A avaliação que encorajamos é a autoavaliação. Não utilizamos provas ou testes de memória. A autoavaliação é semanal com a escrita da reflexão, momento que o professor corrigirá o texto enviado pela plataforma WordPress e fará intervenções individualizadas por meio de apps de comunicação como o WhatsApp, em alguns casos, o professor por incluir vídeos e sugestões de leituras dentro da reflexão do aluno como aprofundamento.

O modo de confecção da nota é pactuado entre o professor e os alunos, por exemplo:

Funcionamento do Método por Bimestre

Num fluxo sem muita desigualdade na turma, o professor poderá usar cada uma das estações de aprendizagem em cada um dos bimestres letivos. Ou seja, o aluno que participa do jornal no primero bimestre é direcionado para outra plataforma como a gravadora, no bimestre seguinte. Assim como a alteração de sua função interna.

Por exemplo, Lucas é editor-chefe do Jornal do Camões no primeiro bimestre, o segundo bimestre será produtor de conteúdo da Uivantes Records.

É preciso lembrar, porém, que em turmas desiguais (como na maioria das escolas periféricas), em pelo menos dois bimestres, os alunos podem ter que reforçar habilidades de escrita e oralidade, priorizando, nesses casos, a confecção de reflexões semanais.

Exemplo de inclusão de tema norteador na Rede

Como um sistema interdisciplinar, o Método Camões usa o multiletramento como ferramenta para a inclusão de habilidades diversas de outras disciplinas. Por exemplo, no gráfico abaixo, o tema inserido foi o “meio Ambiente” que virará reportagem no Jornal do Camões, produção audio-visual na Uivantes Records, peça de teatro na Cia. Juca Pirama, texto colaborativo na Sociedade dos Poetas Uivantes e peças publicitárias na Agência Lima Barreto.

O jornal serve para divulgar todo o conteúdo produzido nos demais, além de ser uma fonte indireta de conteúdos para os demais professores e vitrine para descobrir novos talentos da comunidade escolar, segue:

Com o tempo, a classe terá desenvolvido podcasts, sites, vídeos para divulgar a produção do conteúdo solicitado para a comunidade escolar.

Relatos dos alunos

Equipes

2021 – E.E Zita de Godoy Camargo

Curadoria (docentes): Professores disponíveis para serem consultados pelos alunos, encaminhando e validando o caminho em busca de informação, sobretudo digital.

Mentoria (docentes): Professores que trabalharão para motivar, orientar e acompanhar o andamento no cumprimento de prazos estabelecidos pelos próprios participantes.

Banco de fontes (docentes): Professores e especialistas que desejam ser consultados na produção de conteúdo específico na sua área.

Editor-chefe/Produtor (discente): Responsável pelo andamento do projeto, corrigindo rotas e intervindo para garantir a entrega de conteúdos relevantes as plataformas.

Produtores de Conteúdo (discentes/docentes): Responsável por produzir demandas específicas para determinada plataforma.

Comentaristas/Colunistas: Avaliadores dos conteúdos, deixando comentários, fazendo sugestões, dentre outras.

Compartilhadores: Compartilhadores de conteúdo com mensagens opinativas de relevância.

Observadores: Acompanham os sites, assistem os vídeos, escutam os áudios, seguem o podcast, etc.

2020 – E.E Januário Sylvio Pezzotti

Alunos que participaram no projeto em 2020, na Escola Januário Sylvio Pezzotti, Rio Claro/SP:

Editor-chefe/Produtor (discente):

Produtores de Conteúdo (discentes/docentes):

FAQ

Sobre os projetos: Estou com dúvidas, afinal o que estou fazendo aqui? Tire suas dúvidas:

1- Estou no grupo do projeto, o que devo fazer?

Resposta: Compete ao aluno procurar integrantes mais experientes (como os editores) para sanar suas dúvidas. Entre suas obrigações podemos citar: participação na reunião semanal, fazer e divulgar seu portfólio reflexivo, cumprir com sua função no projeto, fazer as atividades do cmsp, participar das aulas/grupos de estudos, além de entregar a autorização de uso de imagem e uma foto para constar no site do projeto.

2- Como participar do projeto definirá minha nota?

Resposta: Sua nota será dada pela participação ativa e engajada no projeto cumprindo os itens acima mencionados. A prova é a entrega e publicidade do portfólio reflexivo.

3- Sou produtor de conteúdo, o que devo fazer?

Resposta: Se colocar a disposição e entregar produtos solicitados que podem ser de uma peça publicitária, a um lide, uma encenação, uma declamação… Você deve procurar o editor do projeto para se inteirar. É obrigação do aluno correr atrás e entender como se dará o processo de participação. Além de registrar suas reflexões sobre o processo em seu portfólio reflexivo.

4- Sou comentarista, o que devo fazer?

Resposta: Comentar em todos os links direcionados no grupo do WhatsApp do projeto. Utilizando para isso a “Norma Padrão” da Língua Portuguesa. Além de registrar suas reflexões sobre o processo em seu portfólio.

4- Sou compartilhador, o que devo fazer?

Resposta: Compartilhar em todos os links direcionados no grupo do WhatsApp do projeto. Utilizando para isso a “Norma Padrão” da Língua Portuguesa. Além de registrar suas reflexões sobre o processo em seu portfólio.

5- Sou observador, o que devo fazer?

Resposta: Observar e registrar suas reflexões de todo o processo (produção, compartilhamento, comentários) do projeto. Utilizando para isso a “Norma Padrão” da Língua Portuguesa. Além de registrar suas reflexões sobre o processo em seu portfólio.

6- Não tenho tempo, o que fazer?

Resposta: O tempo destinado ao projeto é o mesmo destinado as aulas de Língua Portuguesa, aproximadamente seis horas semanais. Lembre-se alunos matriculados possuem a obrigação legal de cumprir a carga horária a distância ou presencial com atividades escolares. Lembrando que na modalidade a distância a utilização do tempo é o aluno que define.

7- O projeto é optativo?

Resposta: Não, o projeto é obrigatório e substitui o ensino tradicional, focando em atividades significativas.

8- Ainda não faço parte do projeto, o que fazer?

Resposta: Procurar o professor responsável para sua inclusão no projeto.

9- Quanto tempo o projeto dura?

Resposta: A expectativa é que o aluno percorra a trilha de método Camões a cada dois meses. Ou seja, mude de projeto a cada dois meses, percorrendo outros projeto e desenvolvendo outras habilidade.

10- Devo avisar quando compartilho, comento ou observo?

Resposta: Compete ao aluno dar publicidade as suas reflexões, assim como a sua participação em cada tarefa desenvolvida.

11- O que é portfólio reflexivo?

Resposta: Documento pelo qual o aluno registrará toda sua produção e opiniões sobre a participação no projeto diariamente. Ele pode ser feito de qualquer formato, incluindo o próprio site do projeto.

Prof. Antonio Archangelo

Não se muda o mundo na inércia.

Idealizador do Jornal do Camões como forma de multiletramentos em Língua Portuguesa para alunos da escola pública durante a pandemia. Conheça mais aqui

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close