Colapso total: A depressão

Em um cenário lindo e calmo, porém de destruição, dor e sofrimento onde cada ação e pensamento é obra do desespero que arrodeio e pertenço, o lugar foi trocado e o laço foi quebrado, um paradoxo em uma realidade totalmente diferente aparece ser a mesma, tudo isso não passa de mera coincidência?

Estou aqui, mas me sinto perdido num mundo inexplorado, me da um calafrio e minha mente e meu coração vai a mil com a sensação de adrenalina e frio, como se tivesse congelado no meio de duas realidades criando assim dimensões alternativas que resultaram em nossas vidas.

Quando eu digo “nossas vidas”, quero dizer a “minha vida” e tudo que se relaciona a ela, mas “bandeira branca”, eu desisto dessa lambança…

Tudo é muito complicado, agora eu queria apenas estar num lugar que chove e que está tudo molhado, me faz relaxar num dia chuvoso sem ter preocupações em relação ao mundo exterior, é um desejo! “Por favor”, poucos podem entender o que digo e com minhas palavras atinjo o infinito, mesmo tendo pessoas que não entendem e que dizem que é bobagem, complicado e difícil de entender o que digo, pelo menos é desse jeito que me sinto, mas não escrevo para agradar ninguém… Apenas a mim, com a intenção de minha mente ir cada vez mais além, como penso e sei dessas coisas?

Nem me pergunte meu amigo, já vivo o apocalipse e até que gosto de me proteger e me arriscar no perigo seguro, posso me guardar de tudo, mas o abraço de quem muda meu mundo não recuso e sei que todos sem exceção tem uma pessoa assim, pelo menos uma que não consegue recusar a se aproximar e ela resolve todo seu colapso mental e emocional, todo colapso que citei até hoje foi espelhado nos meus sentimentos ou no que vejo nas pessoas.

Toda essa guerra pode não ser real para você e no seu mundo, mas no meu sim e o que eu faço de melhor nessa guerra é sobreviver. Nunca irei me entregar e nunca irei parar de lutar, sonhar, acreditar, superar, mudar, perseverar e revolucionar.

Não tenho mais o que fazer e parece que meu corpo já está morto… Mas a canseira não vem dele, entende? Dediquei-me tanto pra lutar, pensei que fosse levar a vitória para toda minha vida, mas acabei de perdê-la. Devia ter dedicado as minhas horas, agora só me resta chorar e eu nem sei por onde recomeçar.

Já sei! Vou ir vivendo e deixar as coisas acontecerem naturalmente e após disso tenho mais histórias pra contar…

Meus textos sobre o tal “Colapso” estão compondo uma série de artigos, não é mesmo?

Vou começar a causar mais mistério.

Davy Sousa

COLUNA- MINUTOS E SABEDORIA

(1°B)

2 comentários em “Colapso total: A depressão

  1. Gostei,texto Muito bem explicado.

    Curtido por 2 pessoas

  2. Gostei muito do contexto do artigo, pois relata a realidade que acontece no nosso dia a dia.

    Curtido por 2 pessoas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close